Social:

“Faz a diferença, salva uma vida”, é o lema da campanha que surge numa altura em que as dádivas costumam começar a descer.
A gratuitidade da vacina que previne doenças provocadas pela bactéria pneumococo só entra em vigor daqui a um mês e apenas para as crianças nascidas a partir de 1 de Janeiro deste ano.
É uma situação que se arrasta, apesar das denúncias, pareceres e queixas que têm sido remetidas à Autoridade Tributária pela Ordem dos Médicos Dentistas, Infarmed e até por deputados.
A vacina Prevenar vai passar, a partir de julho, a ser gratuita para todos os doentes com infeção por VIH/SIDA, para doentes com implantes cocleares e para todas as crianças e jovens com diabetes.
O desejo sexual é um direito humano? E as mulheres têm direito a um pequeno comprimido cor-de-rosa para ajudá-las a senti-lo?
O Bloco de Esquerda (BE) anunciou hoje que voltou a questionar o Governo sobre a falta de ortopedistas no hospital da Guarda por não ter sido dada resposta a uma interpelação anterior.
A pergunta já deixou muito cientista de cabelo em pé: por que é que nos seres humanos, ao longo da evolução, a maior parte dos pelos do corpo permaneceu em certos lugares, como cabeça, tórax (no caso dos homens), axilas e partes íntimas?
O Hospital de Santa Cruz (Centro Hospitalar Lisboa Ocidental) implantou na segunda-feira, pela primeira vez em Portugal, o pacemaker mais pequeno do mundo, tornando-se assim um dos centros pioneiros a disponibilizar o novo dispositivo aos doentes.