Social:
quinta, 07 agosto 2014 19:33

Sindicato dos Enfermeiros diz que faltam cerca de 400 profissionais no Alto Minho

O Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP) denunciou hoje a «extrema carência» destes profissionais no distrito de Viana do Castelo, defendendo a contratação de mais 400 para fazer face às necessidades da Unidade Local de Saúde do Alto Minho (ULSAM).

«Isto é uma Unidade Local que comporta dois hospitais, além de todos os agrupamentos de centros de saúde do distrito, e só tem 804 enfermeiros. Na nossa perspetiva precisaria de cerca de 1.200», afirmou aos jornalistas Guadalupe Simões da direção nacional do SEP no final de um plenário realizado em Viana do Castelo.

No encontro onde só participaram cerca de 30 profissionais, segundo o sindicato devido à «sobrecarga de trabalho», não foi decidida nenhuma forma de luta. No entanto, Guadalupe Simões garantiu que os protestos não estão descartados e poderão ser anunciados nos próximos dias como forma de «expressar o grande sentimento de revolta» destes profissionais.

 

FONTE: http://bit.ly/1vhcCFd

Ler 1976 vezes