Social:
segunda, 28 julho 2014 07:49

Farmacêuticas vão ser obrigadas a devolver dinheiro se remédio não resultar

A indústria vai ter de compensar o Estado caso os medicamentos e dispositivos médicos não tenham o resultado esperado.

Se isso acontecer, terá de devolver verbas ou criar créditos para aquisição de outros produtos.

Segundo destaca a edição desta segunda-feira do Diário de Notícias, a realização dos chamados contratos de partilha de risco, com base em resultados  reais obtidos em doentes, é uma das novas  missões do Sistema Nacional de Avaliação  de Tecnologias da Saúde (Sinats).

No futuro, o organismo «pode avaliar a criação de hospitais e a compra de  equipamentos. A avaliação de resultados de medicamentos e dispositivos avança já em 2015», refere o jornal.

Oncologia, hepatite C e VIH/sida são as três áreas prioritárias neste sistema que vai permitir eventuais reforços ou, pelo contrário, cortar ou tirar comparticipações em caso de ineficácia dos remédios.

FONTE: http://bit.ly/1mUiav8

Ler 3053 vezes