Social:
segunda, 04 agosto 2014 21:14

Soro experimental usado para combater vírus Ébola

O médico Kent Brantly e a missionária Nancy Writebol apresentaram os sintomas do Ébola (febre, vómitos e diarreia) no final de julho, tendo os exames de sangue confirmado que tinham a doença.

 

No sábado, Kent Brantley, de 33 anos, foi transportado num jato particular da Libéria até à base da força aérea norte-americana de Dobbins, nos arredores de Atlanta, tendo ficado internado num hospital perto da Universidade de Emory. Segundo a cadeia de televisão NBC, Nancy Writebol chegará a Atlanta na terça-feira e será internada no mesmo hospital.

A organização de beneficência norte-americana da Samaritan's Purse revelou que foi enviado para a Libéria "um soro experimental numa dose suficiente para uma pessoa" para tratar a doença.

A organização adianta que Kent Brantly ofereceu a sua dose à missionária e que o médico "recebeu uma transfusão de sangue de um rapaz de 14 anos que sobreviveu ao Ébola".

A cadeia de televisão CNN e outros meios de comunicação apresentam uma versão diferente, contando que, após terem chegado à Libéria as ampolas com soro congelado, Brantly sugeriu que a primeira dose fosse administrada a Nancy Writebol, afirmando que, sendo mais jovem, tinha mais probabilidade de resistir à doença.

FONTE: http://bit.ly/WXapj1

Ler 2750 vezes