Social:

O presidente da Apifarma rejeita "visões puramente economicistas" que agravem a qualidade dos tratamentos dos doentes portugueses. Na conferência "Um Compromisso Com as Pessoas" participa o presidente da Federação Europeia da Indústria Farmacêutica, Stefan Oschmann, e o Ministro da Saúde.
terça, 03 julho 2018 13:13

Polícia Judiciária fez buscas na ADSE

Presidente demissionário do sistema de saúde dos funcionários públicos foi alvo de denúncia.
Adalberto Campos Fernandes diz que a "esmagadora maioria das situações" nos hospitais, com a passagem às 35 horas de enfermeiros, técnicos e assistentes a 1 de Julho, está a "correr normalmente".
Medida foi tomada "para fazer face à escassez de recursos humanos agravada" pela passagem para as 35 horas e "para não colocar em causa a qualidade e segurança dos cuidados a prestar aos doentes", de acordo com a ULS.
Gabinete e casa do presidente de Carlos Liberato Batista, que se demitiu da presidência da ADSE em abril, foram alvo de buscas esta manhã. Em causa estão suspeitas de corrupção.
Os profissionais dos hospitais que estejam a fazer 40 horas de trabalho semanais depois do início do mês terão de receber horas extraordinárias, anunciou o ministro da Saúde.
O presidente do PSD, Rui Rio, criticou o Governo por assumir compromissos nos setores da saúde e da educação que não tem condições para cumprir.
Adalberto Campos Fernandes entende que a "esmagadora maioria das situações" nos hospitais, com a passagem às 35 horas de enfermeiros, técnicos e assistentes a 1 de julho, está a "correr normalmente".