Social:

No início do próximo mês vão entrar mais médicos da especialidade de ginecologia e obstetrícia, e que na ARS Norte “serão seis”, resultado de um concurso de início de Junho
Este ano o Governo abriu cinco vagas para obstetras em toda a região Norte. Esse foi exactamente o número de especialistas que só a PPP de Braga, que tem autonomia para contratar, recrutou este ano. Ordem desmente ministra da Saúde e diz que não faltam obstetras
A coordenadora do Bloco de Esquerda diz que o PS mudou de argumentos para justificar a decisão de atrasar o fim das taxas moderadores nos centros de saúde.
"Não há dinheiro para isso", disse fonte do executivo ao Expresso. Ministra da Saúde confirma faseamento e, sobre fecho de maternidades, diz que é porque "não há médicos obstetras".
As administrações do Centro Hospitalar Universitário São João e do Centro Hospitalar Universitário do Porto tinham garantido ontem ao PÚBLICO que estava tudo dentro da normalidade e que o planeamento da gestão dos recursos estava a ser feita num “clima de tranquilidade”.
O objectivo do ministério é fazer a distribuição dos clínicos “através de concursos anuais, distribuindo-os o mais equitativamente pelo país”, disse Marta Temido.
O projecto de lei do BE para acabar com o pagamento nos centros de saúde foi aprovado dia 14 e deveria entrar em vigor já em 2020. Governo queixa-se que não há dinheiro e pediu ao PS para introduzir faseamento
Segundo Miguel Guimarães, o Ministério da Saúde “tem sido sucessivamente alertado para os problemas, mas os seus responsáveis, “mesmo perante as evidências, preferem negar a realidade”.