Social:

Pelo menos 24 funcionários do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) são suspeitos de usar os cartões da frota do serviço para abastecer indevidamente viaturas particulares.
domingo, 01 julho 2018 08:50

Lazer para todos

Salvo honrosas exceções, muitas das atividades durante as férias que as comunidades oferecem, em serviços públicos ou privados, não são inclusivas a crianças com necessidades especiais.
Enfermeiros, assistentes e técnicos de saúde iniciaram este domingo uma greve às horas extraordinárias no mesmo dia em que regressam às 35 horas de trabalho semanais, em vez das 40 atuais.
PSD reuniu o Conselho Estratégico. No final líder do partido criticou redução de horário semanal de trabalho no Serviço Nacional de Saúde.
Comissão de utentes contesta a retirada de algumas das especialidades previstas no projecto inicial. Nova unidade será um hospital de proximidade, com consultas externas, cirurgias de ambulatório e meios complementares de diagnóstico e terapêutica diferenciados.
Bares dos hospitais e centros de saúde vão deixar de poder vender bebidas energéticas e bebidas com cola ou extracto de chá, guloseima, snacks doces ou salgados. Ordem dos Nutricionistas já pediu uma auditoria aos bares.
A partir deste sábado, as cafetarias das unidades de saúde públicas vão deixar de vender salgados, produtos de charcutaria, bolos, refrigerantes com açúcar e sandes com molhos.
Administradores hospitalares alertam que atividades programadas como cirurgias terão de ser reduzidas, caso não seja reposto o número de profissionais necessário para garantir a qualidade do serviço.